A cada 5 anos, o mundo é presenteado com uma EXPO – uma feira internacional com a participação de mais de 140 países visando reunir o que há de inovação em cada um deles, no tangente à tecnologia, desenvolvimento e arquitetura. Mais que uma mostra, a EXPO é uma plataforma de discussão sobre os desafios mundiais que estamos atravessando no momento e cada país mostra, em seu “pavilhão” a sua contribuição a solução dos problemas em comum. Ela deixa para a cidade que a hospeda um legado de arquitetura e urbanismo que se tornam marcos, como a Torre Eiffel,  que era o arco de entrada da EXPOParis 1889.

Depois do tema ” Desenvolvimento Urbano” abordado na EXPOShangai 2010, a EXPOMilano 2015 trás como desafio mundial o tema ” Nutrição” e levanta os aspectos não só da produção dos alimentos, como a estocagem, logística, sustentabilidade, qualidade dos produtos, desperdício, etc, e mostra mais uma vez, a importância e cuidado no intercâmbio de alimentos entre os países.

Reforçando ainda mais os valores da EXPOMilano,  foi criado o marco ” Árvore da vida”, de Orgoglio Brescia. Inspirado no piso da Praça do Capitólio de Michelangelo em Roma, com a mesma estrela de 12 pontas cujas hastes se entrelaçam, a árvore representa as raízes do Renascentismo, agora porém se elevando para o futuro e a inovação. Ela foi construída no lago Arena, justamente no eixo que une o Norte e o Sul da exposição, e numa praça de descanso e contemplação.

 Um show de música, luzes e água emocionante!

Ao longo de toda a Exposição, podemos ver as preocupações com o Bem Estar e com o Meio Ambiente. Todo o resíduo produzido na feira pelos visitantes era recolhido em recipientes separados de acordo com o material. em 90% dos Pavilhões, placas fotovoltáicas garantiam o consumo de energia dos equipamentos. Nos Pavilhões de alimentação, cortinas de água em reuso refrescavam os ambientes, como um ‘ar condicionado’ gigante e a céu aberto!

E para completar essa aula de humanismo, nos deparamos com a presença de órgãos internacionais como a ONU, Caritas, We – Women for Expo, Instituo Dom Bosco e a Santa Sé. Nessa última o Papa Francisco é contundente ao dizer que não podemos deixar o próximo com fome! Isso deve nos incomodar a ponto de sermos a mudança!

Esse é o resumo dessa experiência incrível e que vou, nas próximas semanas, detalhar os pavilhões mais expressivos! Você é convidado a me acompanhar! #Bethechange

Arrivederci!